Cuidados: Riscos da depilação a laser na gravidez

Resultado de imagem para depilação pernas laser

No que toca a depilação durante a gravidez, as perguntas e as dúvidas são mais que muitas. Que método escolher, em que locais pode fazer, que cera utilizar, etc. Uma das questões mais ouvidas é se a gestante pode fazer depilação a laser.

A verdade é que a maioria das grávidas e profissionais de estética, à falta de estudos sobre o assunto, optam por não utilizar este método, por pura precaução. Contudo, na realidade ainda não existe qualquer estudo que demonstre que uma grávida não pode fazer a depilação a laser. Conheça melhor as razões pelas quais deve preferir outro método durante a gravidez.

Depilação a laser na gravidez – riscos

Um dos riscos comummente relatados por grávidas que fizeram a depilação a laser é o facto de ter ocorrido o crescimento de pelos onde eles antes não existiam. Contudo, apesar de ser feita essa associação, a causa desse crescimento não é o laser, mas sim as alterações hormonais sofridas pelo organismo feminino durante a gestação.
Outro risco da depilação a laser na gravidez está relacionado com o creme anestésico que muitas vezes é aplicado antes do tratamento. Assim, mesmo as clínicas de estética que aceitam fazer a depilação a laser em grávidas, recusam o uso deste creme devido ao fator de absorção da pele. Durante esta fase da vida de uma mulher, todos os químicos que entram na corrente sanguínea podem prejudicar o funcionamento do bebé, e como tal, qualquer anestésico deve ser prescrito pelo médico obstetra.
Como pode ver, não existe ainda uma razão válida pela qual não se deve fazer a depilação a laser na gravidez. Contudo, devido ao facto de ainda não haver estudos suficientes, é sempre melhor jogar pelo seguro e evitar este método. Além disso, ao contrário do que por vezes é dito, interromper o tratamento durante a gravidez não irá regredir os efeitos já conseguidos. Assim, pode continuar a fazer a depilação a laser após o parto, e continuará os seus progressos. Para conhecer que método depilatório utilizar durante a gravidez, consulte o artigo “Depilação na gravidez”.
Em último caso, sempre que tiver dúvidas relacionadas sobre o que pode ou não interferir no correto desenvolvimento do feto, ou na saúde da mãe, o ideal é mesmo consultar o seu médico obstetra.

Compartilhar no Google Plus

Redação Brasil do Trecho

Toda publicação possui a fonte citada no final. / contato: (61) 8319-2362
    Comemtar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário